Vice-presidente dos Estados Unidos

Vice President Mike PenceMichael R. Pence nasceu em Columbus, Indiana, em 7 de junho de 1959, um dos seis filhos de Edward e Nancy Pence. Quando jovem, tinha lugar na primeira fileira para o Sonho Americano. Depois que seu avô imigrou para os Estados Unidos quando tinha 17 anos, sua família se estabeleceu no Meio-Oeste. O futuro vice-presidente viu sua mãe e seu pai construírem tudo o que importa — uma família, um negócio e um bom nome. Tendo como exemplo seus pais, que abriram uma loja de conveniência bem-sucedida na pequena cidade de Indiana, ele foi criado para acreditar na importância de trabalho árduo, fé e família.

Em 1981, o vice-presidente Pence foi para a Faculdade de Hanover, onde obteve seu bacharelado em História. Lá, renovou sua fé cristã, que continua sendo a força motriz de sua vida. Posteriormente frequentou a Faculdade de Direito da Universidade de Indiana e conheceu o amor de sua vida, Karen Pence.

Depois de se formar, o vice-presidente Pence exerceu a advocacia, comandou a Fundação de Revisão de Políticas de Indiana e começou a apresentar o programa de rádio The Mike Pence Show e um programa de televisão semanal sobre assuntos públicos em Indiana. Tornou-se o pai orgulhoso de três filhos: Michael, Charlotte e Audrey.

Criado em Indiana, cercado de cidadãos bons e trabalhadores, o vice-presidente Pence sempre soube que precisava retribuir ao estado e ao país que tanto lhe deram. Em 2000, tentou com sucesso uma cadeira no Congresso, entrando para a Câmara dos Deputados dos EUA aos 40 anos.

A população da região leste e central de Indiana elegeu o vice-presidente Pence seis vezes para representá-la no Congresso. No Capitólio ele se mostrou um defensor de governo limitado, responsabilidade fiscal, desenvolvimento econômico, oportunidades educacionais e da Constituição dos EUA. Seus colegas rapidamente reconheceram sua capacidade de liderança, e ele foi eleito por unanimidade para a presidência da Comissão de Estudos Republicanos da Câmara e da Conferência Republicana da Câmara. Nessa função, ajudou a tornar o governo menor e mais eficaz, reduzir os gastos e devolver o poder aos governos estaduais e locais.

Em 2013, o vice-presidente Pence deixou a capital do país quando a população de Indiana o elegeu o 50º governador do estado. Ele levou a mesma filosofia de governo limitado e baixa tributação para o governo de Indiana. Como governador, promulgou o maior corte no imposto de renda da história de Indiana, reduzindo as alíquotas do imposto de renda da pessoa física, o imposto comercial sobre bens móveis e o imposto de renda da pessoa jurídica para reforçar a vantagem competitiva do estado e atrair novos investimentos e empregos bem remunerados. Devido ao seu foco implacável nos empregos, a taxa de desemprego do estado caiu pela metade durante seus quatro anos no cargo, e no fim de seu mandato mais hoosiers (habitantes de Indiana) estavam trabalhando do que em qualquer outro momento da história de 200 anos do estado.

Como governador de Indiana, o vice-presidente Pence aumentou o financiamento escolar, ampliou as opções escolares e criou o primeiro plano pré-escolar financiado pelo estado da história de Indiana. Tornou a carreira e a educação técnica prioridades em todas as escolas de ensino médio. Sob a liderança do vice-presidente Pence, Indiana, conhecida como “Confluência dos Estados Unidos”, investiu mais de US$ 800 milhões em estradas e pontes por todo o estado. Apesar do recorde de cortes fiscais e novos investimentos em estradas e escolas, o estado continuou responsável fiscalmente, uma vez que o vice-presidente trabalhou com membros da Assembleia de Indiana para aprovar dois orçamentos honestamente equilibrados que deixaram o estado com fortes reservas e classificação de crédito AAA invejadas pelo país.

Foi a história de sucesso de Indiana, a experiência legislativa e executiva do vice-presidente Pence e seus fortes valores familiares que levaram o presidente Trump a escolher Mike Pence como companheiro de chapa em julho de 2016. O povo americano elegeu o presidente Trump e o vice-presidente Pence em 8 de novembro de 2016. O presidente Trump e o vice-presidente Pence tomaram posse em 20 de janeiro de 2017.

O vice-presidente Pence permanece grato pela graça de Deus, pelo amor e apoio da família e pelas bênçãos da liberdade que são direitos inatos de todos os americanos. Ele está ansioso para trabalhar com o povo americano, pois juntos querem tornar os Estados Unidos grandes novamente.

Fonte da biografia: whitehouse.gov